Temperos e Especiarias: Semente de Cumaru

Imagina uma árvore brasileiríssima, nativa da região amazônica, com mais de 30 metros, casca avermelhada, madeira muito dura, e que seu nome indígena significa árvore dos feiticeiros!
Agora continue imaginado que ela dá um fruto que quando exposto ao sol, pode ser aberto, tem polpa comestível e bem ali, em seu miolinho, encontramos a semente mais perfumada de todos os tempos!
Temperos e Especiarias: Semente de Cumaru; Fava Tonka
Um perfume de coisa antiga, que remete a coisa muito boa, que tem a capacidade de levar a gente para um outro tempo, que a gente nem conheceu!
É um perfume que lembra amêndoas, lembra também o miolinho de dentro do caroço da ameixa seca (sim! eu já abri, e adoro ficar sentindo aquele cheiro), acho que lembra madeira também... pois é, parece conversa de doido, mas se você conhece a Semente de Cumaru, também chamada no exterior de Fava Tonka ou Tonka Bean, sabe exatamente do que eu estou falando!!
As sementes de cumaru sempre foram muito usadas pelos índios como remédio para aftas, antibiótico, antifúngico e tônico capilar, que perfuma e dá brilho aos cabelos. Ela também é velha conhecida dos povos africanos, que sempre usaram-na em rituais religiosos.
Infelizmente, com o passar do tempo, nossa cultura e sabedoria ancestral foi se perdendo, e hoje quem consome nossas sementes são os estrangeiros. Praticamente toda nossa produção é destinada a exportação, é difícil encontrá-la por aqui, e quando conseguimos, pagamos o alto preço de especiarias importadas. Uma pena...

Semente de Cumaru na Culinária


A França e a Inglaterra são os países que mais usam a semente de cumaru na culinária, repare uma série de doces franceses que levam como ingrediente a Fava Tonka... sim, é a nossa semente rebatizada.
Aqui no Brasil ela começou a ser usada por alguns chefes, que a apelidaram de baunilha brasileira devido ao seu sabor que lembra o da baunilha. Essa semelhança se deve à uma substância que elas tem em comum, a cumarina, responsável pela cristalização que notamos nas sementes, e que em altas doses pode ser tóxica, mas só em doses altas mesmo... se usarmos a semente de cumaru como usamos a baunilha, a cumarina presente nela é inofensiva.
E é assim seu uso na cozinha, ela perfuma e aromatiza pratos, combina muito com doces a base de leite, como pudins, vai bem também com chocolate, e no preparo de bolos e biscoitos variados. Em breve devo postar aqui algumas experiências que eu fiz, como um cookie de cranberry e alecrim e um bolo de cumaru com chocolate branco e castanha de caju. 

Semente de Cumaru pode ser a chave para a cura do Alzheimer


E meu encantamento com essa sementinha não se dá apenas pelo seu perfume e seu sabor, recentemente a Universidade Federal do Pará (UFPA), iniciou estudos que colocam a semente de cumaru como chave na busca da cura do mal de Alzheimer.
Os pesquisadores da universidade descobriram que existe uma substância nas sementes de cumaru que tem uma grande concentração de propriedades neurogênicas, que induzem as nossas células tronco a formar novos neurônios.
Por enquanto o tratamento desenvolvido pela UFPA apenas diminui significativamente perdas cognitivas nas pessoas que sofrem do mal de Alzheimer, mas os estudos prosseguem no caminho da cura.

3 comentários:

  1. Adorei as explicacoes sobre a especiaria fava tonka, obrigada.

    ResponderExcluir
  2. Adorei as explicacoes sobre a especiaria fava tonka, obrigada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou!! :) Depois dá uma olhada na receita de cookies que usei fava tonka, ficaram uma delícia!

      Excluir

COPYRIGHT (C) ENTRE MIL COZINHAS - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS | DESIGN POR SUSAN SANTOS • PROGRAMAÇÃO POR HEART IDEAS.